Primeiro passo rumo à terra do Tio Sam

Quando se decide vir para os Estados Unidos, o primeiro passo é pensar no objetivo da sua viagem. Você virá passear, estudar, trabalhar, casar..?

Seja qual for o motivo, será preciso um visto para entrar no país e, cada um deles, exige determinados tipos de documentos. Por exemplo, para visitar, deve-se provar vínculos com o Brasil e demonstrar que irá retornar ao país após a viagem – isto para que eles tenham certeza de que você não irá imigrar. Além disso, é bom ter a passagem comprada, hotel reservado e comprovar renda, ou seja, apresentar provas de que você tem recursos para se manter nos Estados Unidos durante o tempo da viagem sem precisar trabalhar. Extratos de banco, diplomas, certificados de cursos, registros de imóveis, carteira de trabalho assinada ou carta do empregador dizendo que você está de férias são boas provas de renda e vínculo.

Já para estudar, é necessário ter em mãos uma carta da escola comprovando a matrícula, o tempo de curso, além dos documentos necessários para uma viagem a turismo.

Para trabalhar, precisa ter contrato com uma empresa.

Para casar, ter um noivo que demonstrará, por uma série de documentos, que esta é a intenção dele para com você. E por aí vai… Isso sem contar com os formulários a serem preenchidos no site do consulado norte-americano, com a viagem até um dos consulados existentes no Brasil e com as taxas (altas!) a serem pagas. Parece chato e difícil. Na verdade, trata-se de um processo um pouco demorado e que exige atenção, mas não é nenhum bicho de sete cabeças.

Eu sempre fiz meus processos de visto sozinha! Para Londres, Canadá, Estados Unidos e sempre deu certo. Mas me debruço na internet para saber o passo a passo e ter certeza de que estou com todos os documentos prontos. Outras pessoas já preferem procurar a ajuda de agências e despachantes especializados, o que é uma mão na roda, pois, assim, nada vai passar batido. Independente do caminho escolhido, pode acontecer de algumas pessoas terem o visto negado, mas sempre há um motivo para isso, como a ausência de alguma das provas acima, por exemplo. Mas nada disso é motivo para desesperar.

Tudo bem que o processo precisará ser feito novamente desde o começo e as taxas deverão ser pagas novamente, mas, estando com tudo certo, aposto que os Estados Unidos estarão te esperando de braços abertos, assim como aconteceu comigo.

TRAVEL3 USA INDICA

Para vistos consulares, consulte http://www.visamundo.com.br

286201_Papel-de-Parede-Bandeira-dos-Estados-Unidos-da-America--286201_1920x1200

* Travel3 USA é uma coluna escrita para a revista Travel3, publicação de origem mineira, mas que não tem limites para viagens mundo afora. Acompanhe por aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s